Alexandre Dias

Alexandre Ferreira de Souza Dias
16/01/1984, Brasília-DF

Pianista. Pesquisador de música brasileira. Professor.

Alexandre Dias iniciou seus estudos de piano erudito aos 10 anos. De 1999 a 2004 teve aulas com a Profª Elza Kazuko Gushikem, da Universidade de Brasília; e de 2005 a 2009, passou a ter aulas com a Prof.ª Neusa França, que foi assistente de Magda Tagliaferro.

Teve masterclasses de piano e música de câmara com Maria Teresa Madeira e Pierre Feraux, e de harmonia com Ian Guest em edições do Curso Internacional de Verão de Brasília (CIVEBRA). Em outubro de 2005, foi finalista do I Concurso Grieg-Nepomuceno, em Brasília. Desde 2007, atua como professor particular de piano em Brasília. Como coralista, integrou o Madrigal UnB, Coral da UnB e Coro Sinfônico Comunitário da UnB, participando por vezes como pianista correpetidor.

Desenvolve intensa pesquisa a respeito da música brasileira do final do século XIX e início do século XX, com especial ênfase em Ernesto Nazareth. Desde 1999, pesquisa a obra e discografia deste compositor.

Em 2008, gravou seu primeiro CD Ernesto Nazareth — Obras Raras pelo selo Choro Music, e foi convidado a escrever um ensaio para a enciclopédia digital Músicos do Brasil, intitulado “Influências na Obra Pianística de Ernesto Nazareth”. Em 2009, foi convidado a integrar o projeto Nazareth patrocinado pelo edital Natura Musical e coordenado por Rosana Lanzelotte. Para este projeto, forneceu todas as partituras de Ernesto Nazareth, e realizou a primeira revisão de sua obra completa em uma edição padronizada, que foi disponibilizada gratuitamente na internet.

Participa com frequência de programas de rádio e TV como pianista e pesquisador, além de realizar palestras sobre a obra e discografia de Ernesto Nazareth, e outros compositores da Belle Époque brasileira.

Em 2010, juntamente com artistas de renome internacional, foi convidado a tocar no festival Rio Folle Journée, onde apresentou dois recitais com peças de Chopin e Ernesto Nazareth no anexo do Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Em 2011 foi um dos coordenadores do Acervo Digital Chiquinha Gonzaga, aprovado pelo edital Natura Musical. Este projeto restaurou a obra fundamental de Chiquinha Gonzaga, para piano solo e piano e canto, disponibilizando gratuitamente mais de 300 partituras. Atuou como pesquisador, revisor musicólogo de toda a obra, e pianista em recitais de lançamento no Auditório Ibirapuera (SP), Clube do Choro de Brasília (DF), Instituto Moreira Salles (RJ) e Escola de Música Villa-Lobos (RJ).

Em 2012 foi convidado a participar do CD Nazareth: Fora dos Eixos, do Quarteto Choro & Companhia como pesquisador e pianista. A partir deste ano, passou a coordenar o site Ernesto Nazareth 150 Anos, a convite do Instituto Moreira Salles, para o qual forneceu sua coleção de mais de 2.000 gravações, além de escrever textos sobre diversas facetas da obra de Nazareth. Participou também como pesquisador palestrante no Simpósio “Ernesto Nazareth 150 Anos” organizado pela UFRJ e UniRio no Instituto Moreira Salles em março de 2013, ao lado dos pesquisadores José Miguel Wisnik, Carlos Sandroni, Cacá Machado, Luiz Antonio de Almeida, Eudóxia de Barros, Sara Cohen, Manuel Bernal, Marcelo Verzoni, Jair Labres e Avelino Romero.

Em 2013, concebeu e produziu o site Acervo Digital Marcello Tupynambá, juntamente com o bisneto do compositor, Marcelo Tupinambá Leandro, com o objetivo de resgatar a memória em torno da vida de Tupynambá. Participou de diversos programas na Rádio MEC e Rádio Câmara enfocando sua obra, além de divulgá-la por meio de gravações e recitais.

Neste mesmo ano lançou uma coleção de cinco álbuns digitais contendo músicas raras de Ernesto Nazareth, interpretadas em suas versões originais para piano solo, e cujo objetivo final é gravar a obra completa de Nazareth. Apresentou-se em quatro cidades em Portugal (Lisboa, Santarém, Coimbra e Porto) patrocinado pela Funarte (Ano Brasil-Portugal), interpretando obras de Ernesto Nazareth e Chiquinha Gonzaga. Também participou de recitais na Universidade Federal de Santa Catarina, Escola de Música de Brasília, Clube do Choro de Brasília, Caixa Cultural de Brasília juntamente com o Terno Carioca, e 51º Festival Villa-Lobos no Espaço Tom Jobim (RJ) juntamente com André Mehmari, Sônia Rubinsky e Quarteto Maogani. Neste show, estreou a obra “Passeando com Nazareth” de André Mehmari, dedicada a Alexandre Dias.

Ainda em 2013, continuando seu trabalho musicológico, teve o projeto “Operetas de Chiquinha Gonzaga” premiado pelo edital Heritage Trust, da EMC Corporation, para resgatar e disponibilizar as partituras completas de algumas das operetas da compositora; e concluiu os primeiros volumes da Edição Crítica da Obra Completa de Ernesto Nazareth, juntamente com a musicóloga Drª Sara Cohen (UFRJ), que consiste na primeira edição crítica da obra completa de um compositor brasileiro.

Discografia

Concertos

  • Concertos no Festival “Rio Folle Journée” – Anexo do Theatro Municipal do Rio de Janeiro – 2010.
  • Concertos de lançamento do Acervo Digital Chiquinha Gonzaga – Auditório Ibirapuera (SP), Clube do Choro de Brasília (DF), Instituto Moreira Salles (RJ) e Escola de Música Villa-Lobos (RJ) – com Wandrei Braga – 2011.
  • Lançamento do site Ernesto Nazareth 150 Anos – Instituto Moreira Salles – com Marcelo Bernardes, Marcílio Lopes, Luciana Rabello, Mauricio Carrilho e Paulo Aragão – 2012.
  • Homenagem a Ernesto Nazareth – Palácio dos Bandeirantes – com Proveta, Toninho Carrasqueira, Ana Rabello, Maurício Carrilho e Paulo Aragão – 2012.
  • Obras de Ernesto Nazareth e Chiquinha Gonzaga – Lisboa, Santarém, Coimbra e Porto (Portugal) – 2013.
  • Evento “Quem faz 100 anos ou +” – Universidade Federal de Santa Catarina – 2013.
  • Homenagem a Ernesto Nazareth – Escola de Música de Brasília – 2013.
  • Homenagem a Ernesto Nazareth – Clube do Choro de Brasília – 2013.
  • Ernesto Nazareth 150 Anos – Caixa Cultural de Brasília – com Terno Carioca.
  • Obras de Marcello Tupynambá – Brasília – com Raíssa Bisinoto – 2013.
  • 51º Festival Villa-Lobos – Espaço Tom Jobim (RJ) – com André Mehmari, Sônia Rubinsky e Quarteto Maogani.

 

O Pessoal da Velha Guarda


 

Copyright © 1997–2014 Daniella Thompson. All rights reserved.